Início Brasil Banco americano pede desculpas por ideia de financiar Superliga: ‘Vamos aprender com...

Banco americano pede desculpas por ideia de financiar Superliga: ‘Vamos aprender com isso’

Mesmo com Real Madrid e Barcelona batendo o pé com a ideia de criar a Superliga Europeia, o torneio europeu que faria frente à Liga dos Campeões da Europa, organizada pela Uefa, não deve sair do papel. Depois de oito dos doze clubes fundadores recuarem com a ideia após a má repercussão, nesta sexta-feira, 23, foi a vez do JPMorgan, banco americano que financiaria o projeto com um investimento de quase 4 bilhões de euros, pedir desculpas. “Nós claramente julgamos mal como este negócio seria visto pela comunidade futebolística em geral e como isso poderia impactá-los no futuro. Vamos aprender com isso”, disse um representante citado pela “Reuters”.

A Superliga Europeia foi anunciada no último domingo por 12 dos clubes mais ricos do mundo, sendo eles: Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester United, Manchester City e Tottenham (Inglaterra); Atlético de Madrid, Barcelona e Real Madrid (Espanha), Internazionale, Juventus e Milan (Itália). A ideia era ter mais três times fixos no torneio, que também contaria com outra cinco equipes oriundas do desempenho esportivo. Os protestos da comunidade do futebol e até de líderes governamentais fizeram com que os seis gigantes da Inglaterra, a Inter e o Atleti deixarem o bloco. Ontem, os outros dois espanhóis insistiram que o campeonato seria benéfico para todos, mas que ainda precisa ser debatido com mais aprofundamento.

Ultimas Notícias